Distração: O mal da humanidade